Escola Sindical da CUT comemora 30 anos e aponta desafios – Fetrace
Contracs é representada por jovem comerciária no Fórum Internacional de Sindicalização
novembro 20, 2017
ACT 2018: Direção do Sindviários convoca assembleia pro dia 24 de novembro
novembro 21, 2017

Escola Sindical da CUT comemora 30 anos e aponta desafios

“A formação é estratégica para barrar o desmonte de nossas conquistas” aponta Bertotti

Escrito por: Érica Aragão / CUT Nacional

Nos próximos dias 29 e 30 de Novembro, em Belo Horizonte, acontecerá o “Seminário de Comemoração dos 30 anos da Escola Sindical 7 de Outubro: dilemas e perspectivas da Formação Sindical”. O objetivo é fazer um debate em torno da formação sindical e o seu papel no atual cenário de crises, apontando dilemas e as perspectivas do Movimento Sindical frente às novas configurações do mundo do trabalho.

“Vale lembrar que a fundação da Escola 7 – em 29 de agosto de 1987 – se deu através da mobilização da classe trabalhadora nacional e internacional, num cenário de grandes desafios como: altos níveis de desemprego, inflação alta, ataque aos sindicatos e aos movimentos sociais e com uma mídia comprometida com os interesses do capital. Um cenário que, em grande medida, se assemelha em muito ao que estamos vivenciando hoje”, explicou a secretária Nacional de Formação da CUT, Rosane Bertotti.

Ao longo de três décadas, milhares de trabalhadores, dirigentes sindicais e lideranças populares, do campo e das cidades, passaram por cursos de formação sindical, seminários, encontros, projetos de qualificação profissional, alfabetização e elevação de escolaridade na Escola Sindical, e segundo Bertotti, amplia-se o desafio da formação sindical com a reestruturação produtiva do capital em sua nova fase, com Reforma Trabalhista e um governo que só tem compromisso com o patrão e retira todos os dias direitos historicamente conquistados.

“Mais do que nunca precisamos disputar a qualificação dos trabalhadores, concebendo a educação em sua integralidade: formação política para a vida, cidadania plena e formação profissional. A formação é o espaço estratégico de organização e mobilização da classe trabalhadora para barrar o desmonte de nossas conquistas”, complementou a dirigente.

O coordenador-Geral da Escola Sindical, Adilson Pereira dos Santos, lembrou que esta foi a primeira Escola Sindical fundada pela Central Única dos Trabalhadores. “A Escola Sindical 7 de Outubro nasceu para contribuir com o fortalecimento do sindicalismo classista, democrático e de massas da CUT em Minas Gerais e no Brasil. É uma História construída pelo esforço de muitas mãos e de instituições do sindicalismo brasileiro e internacional, da academia e dos movimentos populares. Somos gratos a todos e todas que fizeram e fazem parte desta trajetória”, contou Adilson.

“Nesta caminhada cheia de esperança, continuamos a nos inspirar no educador Paulo Freire, acreditando que se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda”, complementou o coordenador.

Rosane Bertotti finaliza: “É nos espaços de formação que nos fortaleceremos para conquistar hegemonia política e enterrar de vez as velhas forças patrimonialistas, escravagistas, patriarcais, visando construir um país justo, pleno de igualdade social e a serviço de homens e mulheres que com seu trabalho produzem a riqueza no Brasil”.

Serviço:

“Seminário de Comemoração dos 30 anos da Escola Sindical 7 de Outubro: dilemas e perspectivas da Formação Sindical”

Data: 29 e 30 de novembro de 2017

Local: Rua Nascimento, 101, Barreiro de Cima, Belo Horizonte

Programação:

29/11

Abertura Política: Saudações dos convidados (10:00 às 11:00)

. Vagner Freitas – Presidente da CUT Brasil

. Beatriz Cerqueira – Presidenta da CUT MG

. Jasseir Alves Fernandes – Presidente da CUT ES

. Marcelo Rodrigues – Presidente da CUT RJ

. Movimentos Sociais

. Parlamentares

. Coordenação da Mesa: Adilson Pereira – Coordenador Geral da Escola Sindical 7 de Outubro

Mesa 1: (11:00 às 13:00)

Golpe de Estado no Brasil e seus impactos sobre o mundo do trabalho

Expositores:

. Roberto Véras de Oliveira – Professor Universidade Federal da Paraíba (UFPB),pesquisador sobre temas como sindicalismo e contestação social, relações de trabalho, qualificação profissional, políticas públicas de trabalho, emprego e renda, economia solidária, diálogo social, cidadania, entre outros.

. Luiz Soares Dulci – Vice-Presidente do Partido dos Trabalhadores e integrante da primeira coordenação da Escola Sindical 7 de Outubro.

Coordenação da Mesa: Beatriz Cerqueira – Presidenta da CUT MG e Marcelo Rodrigues – Presidente da CUT RJ

Mesa 2: (14:00 às 17:00)

O cenário mundial, as novas tecnologias e configurações das relações de trabalho: oportunidades e perspectivas para o movimento sindical

Participação:

. Giuseppe Farina – Representante do ISCOS (Instituto Sindical de Cooperação para o Desenvolvimento)

. Franco Patrignani – INAS (Instituto Nacional de Assistência Social) CISL (Confederação Italiana de Sindicato de Trabalhadores)

. Ariovaldo de Camargo – Secretaria de Relações Internacionais da CUT

. Renato Dagnino – GAPI/UFMG

. Regina Coeli Moreira Camargos – Economista do DIEESE e professora da Escola DIEESE de Ciências do Trabalho.

Coordenação da Mesa: Jasseir Alves Fernandes – Presidente da CUT ES

30/11:

•Mesa 3: (09:00 às 12:30)

A formação Sindical da CUT e o mundo trabalho: pensando novos caminhos

Expositoras:

. Rosane Bertotti – Secretária Nacional de Formação da CUT Brasil

. Daisy Cunha – Professora da FAE/ UFMG

 Coordenação da Mesa: Vandercy Soares Neto – Coordenador de Formação da Escola Sindical 7 de Outubro

Tarde

•Mesa 4: (14:00 às 15:30)

A articulação da Formação Sindical na Região de abrangência da Escola Sindical 7 de Outubro

Apresentação:

. Adilson, Coordenador Geral da Escola 7 de Outubro

. Sérgio Gianetto – Secretário de formação da CUT RJ

. Gilmar de Souza Pinto – Secretário de Formação da CUT MG

. Eloisa Beatriz do Rosário de Abreu – Secretária de formação da CUT ES

. José Eustáquio de Brito – Vice-reitor da UEMG

 Coordenação da Mesa: Fernando Antônio Pereira Cançado – Coordenador Administrativo-Financeiro da Escola Sindical 7 de Outubro

Encaminhamentos

•Encerramento: (18:00)

Os comentários estão encerrados.