Servidores da Prefeitura de Fortaleza protestam contra 0% de reajuste – Fetrace
DIEESE: Valor da cesta-básica recua em 16 capitais
junho 8, 2017
Fetrace participa da 2º rodada de negociação com o SESCAP
junho 9, 2017

Servidores da Prefeitura de Fortaleza protestam contra 0% de reajuste

O Sindicato dos Trabalhadores dos Trabalhadores no Sistema de Operação, Sinalização, Fiscalização, Manutenção e Planejamento Viário de Fortaleza e Região Metropolitana (Sindviários) convida a categoria para se fazer presente no Ato Unificado dos Servidores Municipais contra a proposta de reajuste de 0% para o ano de 2017.

A concentração acontece a partir da 8 horas na Praça da Bandeira e reúne os seguintes sindicatos: o Sindicato dos Trabalhadores no Serviço de Saúde de Fortaleza (SINTSAF); Sindicato Único dos Trabalhadores em Educação do Ceará (Sindiute); Sindicato dos Servidores Fazendários do Município de Fortaleza (Sindifam); Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Ceará (Sindsaúde/CE); Sindece; SINASCE | Sindicato dos Agentes de Saúde e Endemias no Estado do Ceará (Sinasce); Sindurb; Sindiaudif; Associação dos Fiscais do Município de Fortaleza (Afim); Sindicato dos Odontologistas do Estado do Ceará (Sindodonto-Ce); Sindicato dos Enfermeiros do Estado do Ceará (Senece); e o Sindicato dos Agentes Municipais de Segurança Pública do Estado do Ceará (Sindiguardas-Ce).

Além das entidades sindicais, o movimento conta com o apoio da Central Única dos Trabalhadores (CUT-CE), Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB); Central Sindical e Popular (CSP-Conlutas) e a Central dos Sindicatos Brasileiros (CSB).

Para Vladimir Stênio, presidente do Sindiviários e diretor da CSB-CE, “Diante da proposta do prefeito, o servidor só tem esse instrumento de luta e deverá usar incansavelmente. E a CSB terá vários sindicatos filiados presentes e estará agindo para fortalecer o movimento juntamente com as outras centrais”.

Os comentários estão encerrados.